Qual seleção leva o título mundial de volei feminino 2010 ?

sábado, 5 de março de 2011

Novo Blog em construção !

Primeiramente a todos os meus leitores, peço desculpas por ter abandonado o "blog",o trabalho e os compromissos da faculdade, fizeram com que eu parasse com as postagens. O MATCH POINT, atingiu pico de 230 visualizações diárias, e agradeço a todos que acompanharam as minhas reportagens. Venho informar que um novo blog está em construção, totalmente voltado ao voleibol. Um Blog com muito mais qualidade, vídeos, áudios e reportagens exclusivas, um blog digno, para essa galera que ama o esporte mais vitorioso do Brasil. O novo Blog, ainda não tem data de lançamento, mas assim que estrear será postado seu link, e já posso adiantar que também teremos um canal no youtube com todos os vídeos que forem postados no próprio. Qualquer novidade ou notícia relacionada ao NOVO blog, será postada aqui.

terça-feira, 2 de novembro de 2010

Resultados da quarta rodada do campeonato mundial (primeira fase)

GRUPO A: As donas da casa venceram mais uma, Costa Rica foi a vitima da vez, agora as japonesas decidem o primeiro lugar do grupo contra a Servia, que venceu a Argélia. A polônia é detentora da terceira vaga, peru e Costa Rica decidem a ultima vaga.

GRUPO B: O Brasil jogou mal, mas venceu Porto Rico e é o único invicto do grupo, já que as italianas foram surpreendidas e perderam de virada a República tcheca. A Holanda venceu o Quênia e está em terceiro, mas com o mesmo numero de pontos que a República Tcheca.

GRUPO C: Os Estados Unidos confirmaram a boa fase e venceram o Cazaquistão por 3x0. Cuba ainda respira no mundial após a vitoria por 3 sets a 0 sobre a Tailândia, agora Cuba pega as americanas, precisando da vitória e torcendo para que o Cazaquistão vença a Croácia, caso isso não aconteça a decisão vai para o set average. A Alemanha segundo do grupo venceu a Croácia por 3 a 0.

GRUPO D: Em Osaka, a China se reergueu e conseguiu a classificação após dois tropeços, vencendo a República Dominicana por 3 sets a 0. A Rússia venceu a Coréia do Sul por 3 sets a 1, e se mantém na ponta do grupo invicto, as coreanas mesmo com a derrota conseguiram se classificar. A Turquia se confirmou na próxima etapa vencendo o Canadá no tié brake.

Fotos: (GLOBO.COM)

Brasil joga mal, mas vence Porto Rico e se mantém invicto.

                               De longe a atuação que todos esperavam da seleção brasileira, depois de arrasar a Holanda, o Brasil joga feio, venceu, se manteve no topo do grupo, mas não convenceu ninguém, ao menos José Roberto Guimarães, após a partida o técnico revelou: “O jogo foi horrível”.
O JOGO
                Jogando em Hamamatso, o Brasil começou explorando muito as pontas, Fabíola que entrou como titular, não estava com a pontaria tão precisa na partida. Natalia foi a jogadora mais acionada, e foi a maior pontuadora da partida com 15 acertos. Porto Rico que já havia enfrentado o Brasil na Grand Prix, não tinha muitas armas no jogo, a ponteira Aurea Cruz era a principal atacante da equipe caribenha, pontuou bastante, mas sozinha não dava pra vencer o jogo.
                Sheilla praticamente não jogou, fez um primeiro set apagado, mas a culpa não é só dela, a atacante não recebia bolas, Fabíola jogava muito na entrada, principalmente com Natalia, as meios de rede também não apareceram muito no jogo, Thaísa que praticamente não foi acionada no jogo, ficou irritada e chegou a dar uma bronca em Sheilla e fez cara de poucos amigos quando Fabíola insiste com bolas na saída e não as jogava no meio. A capitã Fabiana, fez uma partida morna, mas muito sem vibração, alias esse quesito foi praticamente esquecido pela seleção na partida. Jaqueline fez novamente uma partida boa no fundo de quadra, e ficou a desejar nos ataques.
                 A alegria que contagiou a seleção contra a Holanda ficou no hotel, o time estava apático, sem energia, mas no final a vitória por 3 sets a 0, veio no ataque de Fernanda Garay, que entrou no fim da partida, no balanço final, o resultado não foi tão ruim assim, Brasil líder do grupo, já classificado para a próxima fase, invicto e agora pega as Italianas já classificadas mas que perderam a invencibilidade para a República Tcheca.
                                     Sheilla passando pelo bloqueio de Aurea Cruz

Foto: (divulgação/FIVB)

domingo, 31 de outubro de 2010

Resultados da Terceira rodada (Primeira Fase)

GRUPO A: O Peru não conseguiu parar a Sérvia que está com 100% de aproveitamento e se classificou para a segunda fase antecipadamente, o jogo foi 3 a 1, com parciais de 25/21, 16/25, 25/21 e 25/18. Em Tóquio as donas da casa também confirmaram a excelente fase no mundial, venceram a Argélia por 3 sets a 0 e também esta na segunda fase. A polônia que deve garantir uma das duas vagas que restam venceu a Costa também por 3 a 0 (25/14, 25/12 e 25/15).

GRUPO B: Em Hamamatsu, a República Tcheca conseguiu sua primeira vitoria no mundial, a vitima foi Porto Rico próximo adversário do Brasil, 3 sets a 0 para as tchecas. Na estréia da Piccinini, a Itália arrasou o Quênia (25/9, 25/7 e 25/21), e se garantiu na segunda fase da competição, assim como o Brasil que foi o destaque da rodada, conseguindo uma impecável vitória sobre as fortes holandesas, 3 a 0 com parciais de 25/19, 25/18 e 25/14.

GRUPO C: No grande confronto do grupo a seleção dos Estados Unidos mostraram que não estão para brincadeira, venceram a Alemanha por 3 sets a 0 (25/23, 26/24 e 25/17) e estão na próxima fase , Cuba enfim conseguiu sua primeira vitoria na competição, mas não foi fácil 3 a 2 de virada contra o Cazaquistão 20/25, 25/15, 27/25, 23/25 e 15/10. A Tailândia venceu a Croácia e esta em segundo lugar no grupo. Os jogos do grupo C, são realizados na cidade de Matsumoto.

GRUPO D: A Rússia é outra equipe que deu um passo adiante na competição, vitória fácil sobre o Canadá (25/13, 25/16 e 25/21). Jogando em Osaka, a Turquia sofreu, mas venceu a segunda, 25/20, 25/14, 23/25, 23/25 e 17/15 Contra a República dominicana, A China que já havia perdido para a Turquia, agora perdeu para a Coréia do Sul, que com 100% de aproveitamento, se classificou para a próxima etapa do mundial.

Fotos: (GLOBO.COM)

Brasil desencanta, joga voleibol de altíssimo nível e vence a Holanda

                Em sua terceira partida nesse mundial, o clima não era um dos melhores para o Brasil no jogo, a vitória sem convicção contra a Republica Tcheca, não agradou nem atletas, nem comissão técnica, a arbitragem logo no começo da partida, com erros grotescos já demonstrara quem seria beneficiado no jogo, mas em pleno dia de halloween, a bruxa passou bem longe da seleção na quadra.
                Com muita alegria, a seleção aplicou incontestáveis 3 sets a 0 (25/19, 25/18 e 25/14) na arena de Hamamatsu. O time começou diferente, Fabíola assumiu a posição de titular na equipe, após boa atuação no jogo anterior, com o passe na mão, a levantadora distribuía muito bem as bolas, as atacantes estavam em dia inspirado, Sheila novamente foi o destaque, Natalia estava mais segura e aproveitou melhor suas chances de ataque, Fabiana foi a maior pontuadora do primeiro set, Thaísa jogou com muito mais alegria e disposição que nas outras partidas, Jaqueline conseguiu um bom aproveitamento nos ataques, mais novamente foi destaque na defesa, a libero Fabi que havia jogado mal contra as tchecas, demonstrou de novo, porque é a melhor do mundo. Enfim o Brasil voltou a jogar no estilo Brasil.
                A principal jogadora do Holanda Manon Flier que vem sendo umas das principais jogadoras do torneio, bem que tentou, mas não foi bem na partida, alias o time holandês não conseguiu jogar. Após o jogo o técnico da Holanda admitiu: ‘Brasil fez o que um campeão deve fazer’.
                Nessa segunda feira, não serão realizados jogos no campeonato mundial, mas as seleções treinam, o Brasil começa os treinos logo de manhã. O próximo adversário será Porto Rico, que venceu  nessa rodada a República tcheca por 3 sets a 0.

                                     Fabíola e Fabiana sobem no bloqueio

Fotos: (Divulgação/FIVB)

sábado, 30 de outubro de 2010

Resultados da segunda rodada do mundial (Primeira Fase)

GRUPO A: A Polônia que havia perdido na estréia para as japonesas, sofreu outra derrota em Tóquio, agora para a Sérvia por 3 sets a 1, o time Servo, chegou a sua segunda vitoria em dois jogos.Costa rica venceu a Argélia por 3 a 0.

GRUPO B: Além da difícil vitória brasileira sofre a República Tcheca, Porto Rico “passeou” pelo Quênia 3 sets a 0, O grande jogo do grupo foi o clássico entre Itália e Holanda na cidade de Hamamatsu , azurra venceu de virada 3 a 2 e também já soma duas vitorias na competição.

GRUPO C: Começa a surgir a grande decepção do mundial, bicampeã mundial e tri olímpica, a seleção de Cuba perde a segunda em Matsumoto, dessa vez as cubanas caíram diante das agora líderes do mundial, a Alemanha, por 3 a 0 e corre sérios riscos de ficar de fora da próxima fase,  a Tailândia venceu o Cazaquistão por 3 a 1, e a seleção dos Estados Unidos venceram mais uma, as croatas foram as vitimas da vez, 3 sets a 0.

GRUPO D: Em busca do bi, na cidade de Osaka a Rússia venceu a Turquia que jogou bem, mas não o suficiente para vencer, 3 a 1 para as russas. A republica Dominicana foi surpreendida pela  Coréia do Sul 3 sets a 1,a China que estreou com derrota, passou pelo Canadá 3 sets a 0.


FOTOS: GLOBO.COM


Seleção erra muito, sofre, mas vence a República Tcheca no tie brake

                A vitória da seleção feminina nessa madrugada, já pode ser considerada a primeira grande prova de fogo desse mundial, com o passe completamente quebrado durante toda a partida, o Brasil suou para vencer as Tchecas por 3 sets a 2, parciais: 22/25, 25/22, 23/25, 25/20 e 15/9, com a vitoria o Brasil soma duas vitorias em dois jogos.

                Na sua “reestréia” a seleção já contava com o time completo, Natália que estreou na competição adulta, esteve inconstante, chegou a ser substituída no terceiro set, para entrada da ponteira Sassá, que virou varias bolas e sacou bem. O técnico brasileiro teve bastante trabalho durante a partida fazendo varias substituições por problemas técnicos: Natália para entrada de Sassá, Adenísia no Lugar de Thaisa, que também não fez uma boa partida, a central esteve apática durante todo o jogo, e a mudança de levantadoras, apesar do passe não chegar às mãos Dani Lins não estava distribuindo bem as jogadas, as Tchecas tinham um bloqueio altíssimo e as jogadas estavam lentas e altas demais, Fabíola assumiu a posição e melhorou o jogo, distribuiu de forma mais rápida e variada as jogadas, sem contar com o excelente saque que quebrara a recepção adversária.
                O grande destaque do Brasil foi a oposta Sheila, a atleta chegou aos 27 pontos e mostrou segurança nos momentos decisivos, a libero Fabí teve uma atuação para ser esquecida, Jaqueline atacou bem, teve um aproveitamento alto na entrada de rede, mas sua recepção foi absurdamente ruim, a ponteira simplesmente não conseguiu passar durante o jogo todo. Joycinha entrou em quadra apenas na famosa inversão do 5-1, a central Carol Gattaz, a libero Camila Braitt e a ponteira Fernanda Garay, foram as únicas que não atuaram nessa segunda rodada.
                Como destaque do time europeu a oposta Havlickova fez talvez a melhor atuação de sua vida, a atleta estava voando no jogo sendo a segunda maior pontuadora da partida com 254 pontos.
                A República Tcheca que enfrenta o Quênia na próxima rodada, amarga duas derrotas na competição, para a Holanda na estréia por 3 sets a 0 e agora para o Brasil 3 sets a 2. Já a seleção brasileira defende a invencibilidade contra a Holanda, forte candidata ao titulo mundial, se vencer e acontecer uma possível combinação de resultados, o Brasil pode se classificar para a segunda fase já nesse jogo.
                                  Sheila atacando sobre o alto bloqueio tcheco

                  Mal na recepção, Jaqueline conseguia virar os ataques na entrada de rede
FOTOS: (Divulgação/FIVB)